“Film is not dead”, isso já nós sabemos. Já há cerca de 2 anos que tenho fotografado com analógico. Compro os rolos, fotografo, e depois mando revelar e digitalizar no mesmo sítio de sempre. E sempre correu bem. Desta vez, organizei uns 3/4 looks e durante uma manhã, lá fui eu passear por Lisboa com uma amiga e dar uso a estes rolos que tanto gosto. Tanto entusiasmo, e pela primeira vez recebo um e-mail do “mesmo sítio de sempre” a avisar-me que tinham tido um problema com a digitalização, e eis o resultado…

Agora a questão é: gostamos ou não gostamos deste resultado inesperado? Porque quando recebi o e-mail fiquei de coração partido, mas quando abri as fotografias foi um misto de emoções. Especiais estão. Mas digam-me a vossa opinião que é sempre bem-vinda. E com esta me despeço:

Share:
Reading time: 1 min

Hey guys! Agora que já dei o tempo de me adaptar a este novo ano, trago-vos um post novo. Cada vez mais dou valor aos looks em que nos sentimos confortáveis mas sempre com estilo (é claro!), daí ter decidido fotografar este look em casa. Porque o mesmo se passa com o meu cantinho; que cada vez aprecio mais; o meu ninho, que tem de ser acolhedor mas com o meu toque pessoal.

Sempre adorei jardineiras. São a minha cena. E quando vi estas (AQUI) penduradas no cabide no ECI soube que era esta a peça de roupa que queria, só não sabia com o que conjugar.

E agora vem a parte “engraçada”. Estava a pensar que cor iria vestir por baixo destas jardineiras encarnadas, e, caso não saibam, sou designer gráfica. Acontece que nos últimos tempos, fiz umas quantas comunicações muito giras em que conjugava o cor-de-rosa com o encarnado. E fez-se luz!
Veio esta camisola baby pink (AQUI), que para além de adorar a cor, é muuuuito quentinha.

Final touch: a mala (AQUI). Baby pink como a camisola, e agora sim. Não falta mais nada.

Share:
Reading time: 1 min

Heyy guys! 
A semana passada eu e o Tiago Costa (@deadline) pegámos no carro e na câmera analógica e fomos passear pelas zonas de Cascais e Sintra. Aproveitar o bom tempo, com alguns looks escolhidos, e sem rolos contados. 
Cada vez mais sou uma apaixonada pela fotografia analógica – até eu mesma já fotografo em analógico algumas vezes. As cores são lindíssimas, e o disparo é apenas feito no momento exacto (não como com a fotografia digital, que não temos que contar nada).
Aqui fica o resultado das fotografias. Quero muito saber a vossa opinião. ☀Deixem aqui a vossa opinião em comentário, pleaseee! Means a lot. ☼

Share:
Reading time: 1 min
Page 1 of 312... »